Arquivo mensais:dezembro 2013

Rio Grande do Norte receberá dois Centros Especializados em Reabilitação

O ministério da Saúde vai financiar a construção de dois Centros Especializados em Reabilitação (CER) e de três Oficinas Ortopédicas no estado do Rio Grande do Norte. O anúncio foi feito pelo ministro Alexandre Padilha, nesta terça-feira (3), em São Paulo, na data que se comemora o Dia Mundial da Pessoa com Deficiência. Ao todo, serão investidos R$ 10,5 milhões no estado. Os recursos incluem ainda obras de ampliação em um CER. A iniciativa faz parte do Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência – Viver Sem Limite, que completa dois anos. O Viver Sem Limite envolve ações de 15 ministérios e conta com R$ 7,6 bilhões de investimento até 2014. Ao todo, 1.110 municípios já aderiram ao Plano.

“Esse é mais um passo para gente começar a ter uma rede na área da saúde que cuide da pessoa com deficiência. Essas pessoas não têm limites. Às vezes, os limites são impostos pela sociedade, pelo jeito que a escola funciona, que o SUS funciona, que a nossa cidade funciona e, com esse programa, nós estamos fazendo com que as pessoas possam usar ao máximo seu potencial”, afirmou Padilha.

CENTRO ESPECIALIZADO– Os CER são serviços em reabilitação física, visual, auditiva e intelectual, que poderão receber veículos adaptados para o transporte ponto a ponto das pessoas com deficiência que não apresentam condições de mobilidade e acessibilidade autônoma aos meios de transporte convencional ou que manifestem grandes restrições ao acesso e uso de equipamentos urbanos. Já as oficinas ortopédicas confeccionam órteses sob medida e fazem ajustes das próteses para cada usuário. O Ministério da Saúde também vai qualificar o atendimento odontológico de pessoas com deficiência em sete Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) no estado.

padrilha